Cabeleireiro americano se recusa a atender política contrária ao casamento gay

0 comentários

susanamartinez.jpg

Quando se trata da sua profissão, o que vem primeiro? A obrigação de realizar um trabalho bem feito ou a integridade de não abrir mão daquilo em que você acredita?

Para o cabeleireiro americano Antonio Darden, a segunda alternativa fala mais alto. É que ele se recusou a cortar os cabelos da Governadora do Novo México, Susana Martinez, por não concordar com seu posicionamento a respeito do casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Darden já havia tomado conta das madeixas da Governadora três vezes anteriormente, mas se recusou a repetir a dose após suas recentes declarações.

“Não tem muito tempo que os assessores da governadora ligaram querendo marcar uma nova visita ao meu salão. Por causa de suas posições e seus pontos de vista sobre o casamento gay eu disse a seus assessores que não a atenderia. Ligaram no dia seguinte, perguntando se eu tinha mudado de ideia e eu disse não novamente”, contou o cabeleireiro ao KOB News.

antonio-darden.jpg

“Eu acredito ser apenas igualdade, dignidade para todos. Acho que deveria ser dado a todos o direito de ficar junto. Meu parceiro e eu estamos juntos há 15 anos”, completou.

Você concorda com a atitude de Antonio? No lugar dele, o que você faria?

Fotos: Santa Fe New Mexican, Life News

Fonte: Vírgula, Petiscos

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Quer saber mais?

Artigos

Artigos relacionados que vão te interessar

Ver mais

+ Deixe um comentário

Comentar

Para deixar um comentário é necessário se identificar: ENTRA ou conecte-se com Facebook Connect

Publicidade

WSL Weblogs SL